LogoCitolab
×


Nosso Blog

Painel DST (IST) - Tranquilidade total para você e seu paciente

16/03/2019 Painel DST (IST) - Tranquilidade total para você e seu paciente

As infecções sexualmente transmissíveis (IST) incluem infecções por Chlamidia, Gonorréia, Herpes, Hepatites, HIV, HPV, Sífilis, Tricomoníase, entre outras. Dentre as IST mais comuns, as manifestações clínicas são caracterizadas por corrimentos, feridas e bolhas ou verrugas, principalmente na região genital, porém, em muitos casos, não há qualquer sintoma evidente até que a doença já esteja em estágios mais avançados. A transmissão das IST se dá principalmente por contato sexual com uma pessoa infectada, sem o uso de preservativo. Também podem ser transmitidas da mãe para o feto, durante a gestação, ou no momento do parto normal, além do compartilhamento de seringas e agulhas durante o uso de drogas injetáveis ou ainda por transfusão de sangue contaminado.

Painel para Infecções Sexualmente Transmissíveis 

Como as IST são geralmente assintomáticas e, quando apresentam sintomas, estes não são específicos, torna-se difícil o correto diagnóstico clínico. Neste contexto, a pesquisa de diversos patógenos para diagnóstico diferencial e correta conduta terapêutica é essencial, sendo que, as técnicas de Biologia Molecular têm se mostrado com alta sensibilidade e especificidade.

O Painel DST/IST disponibilizado pelo CITOLAB, é um exame capaz de detectar, de uma única vez, seis diferentes patógenos causadores de IST.


Os patógenos analisados neste teste são:

 

  • Chlamydia trachomatis;
  • Neisseria gonorrhoeae;
  • Mycoplasma genitalium;
  • Trichomonas vaginalis;
  • Mycoplasma hominis;
  • Ureaplasma urealyticum/parvum

 

As vantagens são a alta sensibilidade e especificidade do método e a possibilidade de utilizar a mesma amostra da citologia líquida colhida no conservante SurePath da BD, que poupa a paciente de nova visita ao consultório ou ao laboratório. 

Galeria de fotos

Painel DST (IST) - Tranquilidade total para você e seu paciente
Comentar


Outras notícias
Lesão vulvar em gestante de 29 anos

B.D.S., feminino, 29 anos, apresenta múltiplas lesões em placa, esbranquiçadas em vulva, 0,5 cm, indolores, realizada biópsia.

Leia +
Tumor do estroma mamário em paciente de 62 anos.

Este tipo de tumor representa apenas 1% dos tumores da mama.

Acomete mulheres com idade média de 45 anos e é raro em crianças ou homens.

Leia +
Adenocarcinoma de cérvix relacionado ao HPV (tipo usual)

Abordagem da classificação tumoral baseada no padrão de invasão estromal (Sistema Silva).
Desafiador 30% - 50% de falsos negativos na citologia.

 

Leia +
whatsapp Citolab